Páginas

terça-feira, 22 de fevereiro de 2011

Princípio do vazio

O homem não se conforma que o sistema que ele inventou não traz a felicidade plena e vive inventando modismos para apaziguar a alma que reclama constantemente que a coisa não anda bem e lá vem o próximo "ismo" que desta vez vai funcionar como panacéia e o vivente vai ficar feliz por mais tempo, na década de 70/80 eram as seitas religiosas, espirituais e até yoga que iria resolver e hoje a coisa está para visitar cidades históricas ou lugares paradisíacos de encher os olhos e morar bem na cidade grande  que a alma acalma, e num primeiro momento com a sensação de superioridade da viagem para o exterior, Paris, Roma, e morar numa boa casa,  o cara se sente até bem, mas depois de um tempo é como álcool ou droga e vem a "depre" ou você fica sabendo que o sujeito até se suicidou e me parece que a coisa é bem mais simples do que as pessoas buscam no alto, vida simples, satisfação com a vida que leva, segurança alimentar parece que são os segredos para não entrar em parafuso, não ligar muito para filosofias baratas e incluo nestas Aristóteles e Sócrates e procurar enxergar melhor as verdades bíblicas, Deus jamais alterou seus propósitos e de um pessegueiro ou videira sempre nasceram pessegos e uvas respectivamente e inexoravelmente, ao contrário do homem que até ser homossexual ele acha normal,  por isto a questão de segurança alimentar é bem administrada pelas pessoas que entendem estas relações. A maior longevidade do Brasil está no RS em Veranópolis, pequenas propriedades e pouca ambição de mercado, o sujeito olha a terra e sente segurança que ele vai produzir, vai chover e ele terá água, olha para o outro lado e vê a galinha, o porco e sente a simbiose que existe entre o homem, o sustento e interação com Deus e que propicia o bicho vivo, a chuva e  semente brotando que nunca falha, plantou milho nasce milho e vai levando com tranquilidade,sem desafiar o sistema criado por Deus. Sentimentos e atos como bondade, solidariedade, compaixão, caridade etc enobrecem o coração e prolongam a vida na terra ao contrário do que o mercado prega que tem que ferrar os outros para ir para frente e ganhar dinheiro, aliás, o que vem do homem é tese, antítese e síntese até alguém desafiar novamente e dizer: bem, eu acho isto, e vira mais um "ismo"

Um comentário:

  1. Muito interessante o blog !
    Deixo o meu aqui caso queira dar uma olhada, seguir...;

    www.bolgdoano.blogspot.com

    Muito Obrigada, desde já !

    ResponderExcluir